Melhores ferramentas de SEO

É essencial que, para saber como o seu site está se saindo na internet e principalmente no Google, você utilize as melhores ferramentas de SEO. Elas servem para clarear onde e como você deve melhorar, além de apontar o que você tem feito de certo.

Para saber das ferramentas disponíveis, quais usar e como, você deve entender primeiro o que são as ferramentas SEO.

Ferramentas de SEO

SEO (Search Engine Optimization) é atualmente um dos pontos principais do marketing digital. SEO é, como o próprio nome diz, a otimização do seu site para se adequar o melhor possível às ferramentas de busca – principalmente ao Google.

Ferramentas de SEO são, então, aquelas que vão te ajudar a:

  • Usar as melhores palavras-chaves
  • Analisar a rapidez do seu site, que pode atrair ou repelir visitantes
  • Analisar estruturas dos textos
  • Indicar o tipo de conteúdo mais adequado para o seu ramo
  • Analisar como seu site está ranqueado no Google (por exemplo, ele aparece nas primeiras páginas? Ou está para lá da 5ª?)
  • Remover links
  • Criar links e backlinks

E muito mais.

Sem essas ferramentas, hoje em dia, é muito difícil que você consiga ser lido e encontrado por meio de qualquer site de busca. Suas análises e reunião de dados da web são fundamentais para você ter o ponto de partida do conteúdo a se produzir. Com tantas ferramentas disponíveis, grátis, freemium e pagas, que focam nos mais diversos tipos, você pode ficar confuso e acabar se perdendo.

Você encontra, a seguir, um pouco sobre os principais tipos de ferramentas e, dentro deles, as melhores ferramentas SEO.

 

Tipos de ferramentas de SEO e para que servem

Antes de separar os tipos essenciais, é importante entender a maioria dos tipos de ferramentas usadas. Assim você consegue ter uma noção abrangente, como um todo, não apenas do que é SEO, mas da importância dele e de seus elementos.

  1. Comparação de audiência de sites

É uma forma importantíssima de benchmarking. Essas ferramentas analisam o desempenho dos competidores que vão bem, e crescendo, para que você saiba como as coisas estão dão certo. Assim, você tem acesso a novidades e inovações – de conteúdo ou de mercados emergentes, por exemplo.

  1. Ferramentas de Analytics

Com elas você analisa dados variados a respeito do acesso ao seu site. Entre muitas coisas, você pode analisar eficácia de palavras-chave, popularidade de conteúdo e comportamento do visitante.

  1. Análise de Palavras-chaves

São ferramentas que permitem que você analise as palavras-chaves de concorrentes bem-sucedidos, a competição que existe das palavras-chaves importantes a você e quais os principais competidores que as estão usando – e como estão ranqueando com elas.

  1. Checagem de ranking de SEO

Ferramentas que checam as posições nos rankings do Google e outros sites de busca, de palavras-chaves. Com elas você sabe a importância de palavras-chaves que possa vir a usar, e também pode analisar e acompanhar trends.

  1. Análise de backlinks

A qualidade dos links que o seu site tem e que ele ganha influi muito no ranqueamento dele. O Google analisa uma porção de fatores, inclusive penalizando sua colocação por conta de backlinks ruins. As ferramentas de análise de ranking de SEO são, portanto, muito importantes.

  1. Web Crawling

Web Crawler é um robô (bot) de sites de busca feitos para ler os sites e indexá-los. Essas ferramentas ajudam você a otimizar o seu site nesse sentido, facilitando a leitura dos bots ou dando a eles o necessário para ranquear bem.

  1. Análise de Adwords

Essas ferramentas, geralmente pagas, analisam o resultado de sua campanha Adwords e comparam com de concorrentes. Assim você tem seu desempenho analisado e sabe como otimizar sua campanha.

 

As melhores ferramentas de SEO

Veja a seguir a seleção de uma ferramenta de cada uma das seis categorias selecionadas. As ferramentas são grátism pagas ou freemium.

  1. Ferramenta de construção de links – Moz SEO Toolbar (Grátis)

É um plugin que analisa e mostra informações vitais de SEO a respeito do site visitado, no momento em que você o visita. Assim, você sabe se o site está impecável.

  1. Ferramenta de análise de palavras-chave: Ahrefs Keyword Explorer (Paga)

A importância de palavras-chaves é inegável e bem reconhecida por todos. Ahrefs é uma ferramenta excelente, com uma quantidade imensa de palavras-chaves – estamos falando de bilhões. E do mundo todo. É ótima para quem quer muitas palavras-chaves e trends, e ainda analisar potencial de cliques das escolhidas.

  1. Ferramenta de Remoção de links – CognitiveSEO (Paga)

Essa ferramenta é excelente. Embora ofereça muitas vantagens (pesquisa de concorrência, análise de backlinks, ranking), sua principal e melhor função é a detecção de links não naturais e a remoção de links. É ideal que você nunca precise disso – mas, caso seu site seja penalizado pelo Google por links de baixa qualidade, essa ferramenta facilita muito para sua análise e decisão de enviar links de disavow ou não.

  1. Ferramenta de Eficácia de Conteúdo – Yoast WordPress Plugin (Freemium)

Esse plugin é bem conhecido para quem usa WordPress há um tempo. Ele é intuitivo, visual, e você consegue garantir que seu conteúdo produzido esteja dentro do mínimo para ser SEO friendly. Sua linguagem de sinais, como de semáforos (verde, amarelo e vermelho) e a explicação e descrição dos elementos simplifica muito a produção de conteúdo.

  1. Ferramenta de Ranking – SEMRush (Freemium)

A versão freemium só permite que o acesso aos dados seja limitado. Mas já valeu muito a pena: com essa ferramenta você consegue acompanhar qualquer domínio ou palavras-chaves, de qualquer localização geográfica. Assim, você descobre competidores locais, e ainda te permite focar em diferentes dispositivos.

  1. Ferramenta técnica, geral – DeepCrawl (Paga)

É o tipo de ferramenta pela qual vale a pena pagar. Tem uma porção de serviços oferecidos, e é ainda muito amigável para quem é novato nas tecnicalidades de SEO. Sua análise é traduzida em gráficos e quadros fáceis de compreender e analisar. A ferramenta oferece: monitoramento da saúde do site; migração do seu site; estruturação do seu site; internacionalizar seu site; recuperar seu site de penalizações por Panda e Penguin; analise de competidores; e otimização de experiência de usuário (UX).